Polícia atira 3 vezes em idoso deitado no chão por engano durante perseguição em Salvador

Um idoso de 74 anos foi baleado na manhã desta terça-feira (23) no bairro de Saramandaia, em Salvador. A família da vítima contou ao Correio que um bandido arrombou a casa de Almir Ferreira Paiva para tentar escapar dos policiais. O policial civil que vinha logo atrás, na perseguição, confundiu o idoso com o criminoso e acertou três tiros no morador, que estava deitado no chão. 

Almir estava em casa com a esposa, uma idosa de 76 anos, e com o neto, um adolescente de 16 anos quando bandidos e policiais civis entraram em confronto no bairro. Ninguém saiu do imóvel. 

“Quando perceberam que eram tiros, eles correram e fecharam as portas e as janelas. Os vizinhos também, todo mundo fez isso. Eu não estava lá nesse momento, mas minha mãe contou que depois de fechar tudo ela correu para a cozinha e que meu pai ficou abaixado na sala. Meu sobrinho estava no quarto do fundo”, narrou Elen, a filha de Almir.

Durante a perseguição um dos bandidos correu em direção à avenida em que fica a casa de Almir, a rua do Tubo, mas o local não tem saída. Os familiares contaram que foi nesse momento que o bandido forçou e arrombou a porta do idoso. Ele invadiu o imóvel e escapou por uma escada que leva para a laje da casa. De lá, o criminoso pulou de telhado em telhado e conseguiu escapar. 

O policial civil que perseguia o bandido confundiu o idoso de 74 anos que estava deitado no chão com o criminoso e, ainda do lado de fora da casa, fez diversos disparos. Três balas acertaram a região pélvica e a virilha de Almir. Os tiros acertaram também uma poltrona que estava ao lado. Depois da confusão foi possível ver os buracos.  
Seu Almir foi socorrido pelos policiais para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde passou por cirurgia. Ele ainda está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e o estado de saúde é considerado estável.

Procurada pela reportagem, a Polícia Civil ainda não se pronunciou sobre o caso.  

Combate à pandemia: Governo vai destinar mais de R$ 2 milhões para Teofilândia

O Governo Federal vai destinar R$ 125 bilhões a estados e municípios para o combate à pandemia da covid-19. O Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (PLP 39/2020) foi aprovado pelo Senado no último sábado (2) e prestará auxílio financeiro a estados e municípios. O texto segue agora para análise da Câmara dos Deputados, cujo presidente adiantou que os valores aprovados pelos senadores devem ser aprovados. De acordo com a Agência Senado. O valor inclui repasses diretos e suspensão de dívidas. Na região do sisal, Araci receberá R$ 4.907.459,22 – Teofilândia  R$ 2.032.147,83 – Serrinha  R$ 7.297.340,15 e Tucano  R$ 4.574.272,89.  Além disso, a Bahia vai receber R$ 346 milhões que devem ser aplicados na saúde pública e R$ 1.668 milhões de livre aplicação. Nos municípios, Salvador receberá o maior valor R$ 259.216.347,76. Em segundo a cidade de Feira de Santana – R$ 55.489.421,78, em sequência está Vitória da Conquista com R$ 30.546.291,72, Camaçari com R$ 26.995.312,38 e Juazeiro R$ 19.556.828,29.

Veja quanto receberá cada cidade da Bahia:

Abaíra  R$ 788.655,29
Abaré  R$ 1.812.670,81
Acajutiba  R$ 1.368.031,31
Adustina  R$ 1.537.783,06
Água Fria  R$ 1.531.465,88
Aiquara  R$ 401.231,43
Alagoinhas  R$ 13.680.854,53
Alcobaça  R$ 2.027.816,05
Almadina  R$ 493.101,33
Amargosa  R$ 3.360.832,10
Amélia Rodrigues  R$ 2.265.342,16
América Dourada  R$ 1.452.410,83
Anagé  R$ 1.985.851,89
Andaraí  R$ 1.186.096,41
Andorinha  R$ 1.317.132,85
Angical  R$ 1.261.361,14
Anguera  R$ 1.012.644,59
Antas  R$ 1.740.925,65
Antônio Cardoso  R$ 1.054.338,00
Antônio Gonçalves  R$ 1.064.716,23
Aporá  R$ 1.600.142,69
Apuarema  R$ 661.499,40
Araças  R$ 1.098.919,27
Aracatu  R$ 1.185.374,44
Araci  R$ 4.907.459,22
Aramari  R$ 1.028.527,79
Arataca  R$ 994.415,00
Aratuípe  R$ 796.416,40
Aurelino Leal  R$ 1.040.620,69
Baianópolis  R$ 1.252.336,59
Baixa Grande  R$ 1.847.144,58
Banzaê  R$ 1.193.857,52
Barra  R$ 4.835.172,59
Barra da Estiva  R$ 1.858.876,50
Barra do Choça  R$ 2.852.028,06
Barra do Mendes  R$ 1.251.253,65
Barra do Rocha  R$ 515.662,70
Barreiras  R$ 14.027.667,92
Barro Alto  R$ 1.347.455,33
Barro Preto  R$ 504.562,51
Barrocas  R$ 1.441.942,36
Belmonte  R$ 2.105.246,67
Belo Campo  R$ 1.553.215,04
Biritinga  R$ 1.442.032,60
Boa Nova  R$ 1.140.071,21
Boa Vista do Tupim  R$ 1.676.400,13
Bom Jesus da Lapa  R$ 6.240.294,79
Bom Jesus da Serra  R$ 891.625,39
Boninal  R$ 1.296.647,13
Bonito  R$ 1.512.875,31
Boquira  R$ 1.940.999,89
Botuporã  R$ 921.496,65
Brejões  R$ 1.290.059,21
Brejolândia  R$ 952.721,58
Brotas de Macaúbas  R$ 923.301,56
Brumado  R$ 6.064.045,36
Buerarema  R$ 1.655.914,40
Buritirama  R$ 1.910.857,90
Caatiba  R$ 609.878,99
Cabaceiras do Paraguaçu  R$ 1.697.246,83
Cachoeira  R$ 3.020.516,38
Caculé  R$ 2.090.987,88
Caém  R$ 831.431,65
Caetanos  R$ 1.312.349,84
Caetité  R$ 4.600.263,59
Cafarnaum  R$ 1.663.856,00
Cairu  R$ 1.640.301,93
Caldeirão Grande  R$ 1.202.701,58
Camacan  R$ 2.886.772,57
Camaçari  R$ 26.995.312,38
Camamu  R$ 3.187.109,54
Campo Alegre de Lourdes  R$ 2.598.889,47
Campo Formoso  R$ 6.426.020,00
Canápolis  R$ 876.373,90
Canarana  R$ 2.362.265,81
Canavieiras  R$ 2.806.544,33
Candeal  R$ 745.247,21
Candeias  R$ 7.858.215,84
Candiba  R$ 1.292.225,10
Cândido Sales  R$ 2.273.193,52
Cansanção  R$ 3.143.611,22
Canudos  R$ 1.504.211,74
Capela do Alto Alegre  R$ 1.050.186,71
Capim Grosso  R$ 2.767.107,06
Caraíbas  R$ 807.787,34
Caravelas  R$ 1.986.844,60
Cardeal da Silva  R$ 838.831,78
Carinhanha  R$ 2.618.743,48
Casa Nova  R$ 6.494.877,30
Castro Alves  R$ 2.370.207,41
Catolândia  R$ 322.808,10
Catu  R$ 4.936.789,00
Caturama  R$ 841.900,13
Central  R$ 1.558.178,54
Chorrochó  R$ 1.008.673,78
Cícero Dantas  R$ 2.934.331,94
Cipó  R$ 1.561.246,89
Coaraci  R$ 1.533.541,52
Cocos  R$ 1.694.539,47
Conceição da Feira  R$ 2.037.833,29
Conceição do Almeida  R$ 1.556.463,88
Conceição do Coité  R$ 6.011.432,24
Conceição do Jacuípe  R$ 2.991.908,56
Conde  R$ 2.331.672,59
Condeúba  R$ 1.556.463,88
Contendas do Sincorá  R$ 366.938,14
Coração de Maria  R$ 2.039.999,19
Cordeiros  R$ 777.374,61
Coribe  R$ 1.280.944,41
Coronel João Sá  R$ 1.434.451,98
Correntina  R$ 2.900.219,15
Cotegipe  R$ 1.243.763,27
Cravolândia  R$ 482.723,10
Crisópolis  R$ 1.904.450,47
Cristópolis  R$ 1.255.314,69
Cruz das Almas  R$ 5.707.034,22
Curaçá  R$ 3.131.518,33
Dário Meira  R$ 966.529,14
Dias d’Ávila  R$ 7.317.916,12
Dom Basílio  R$ 1.100.904,67
Dom Macedo Costa  R$ 366.216,18
Elísio Medrado  R$ 732.973,83
Encruzilhada  R$ 1.534.714,72
Entre Rios  R$ 3.770.456,36
Érico Cardoso  R$ 957.504,59
Esplanada  R$ 3.360.471,12
Euclides da Cunha  R$ 5.467.522,70
Eunápolis  R$ 10.232.033,08
Fátima  R$ 1.614.491,72
Feira da Mata  R$ 511.240,67
Feira de Santana  R$ 55.489.421,78
Filadélfia  R$ 1.477.950,31
Firmino Alves  R$ 506.908,89
Floresta Azul  R$ 959.219,26
Formosa do Rio Preto  R$ 2.309.472,20
Gandu  R$ 2.924.224,45
Gavião  R$ 402.765,60
Gentio do Ouro  R$ 1.013.727,53
Glória  R$ 1.373.626,53
Gongogi  R$ 643.269,82
Governador Mangabeira  R$ 1.870.066,94
Guajeru  R$ 626.032,93
Guanambi  R$ 7.624.028,81
Guaratinga  R$ 1.880.986,64
Heliópolis  R$ 1.175.988,91
Iaçu  R$ 2.193.416,51
Ibiassucê  R$ 832.424,35
Ibicaraí  R$ 1.957.334,32
Ibicoara  R$ 1.766.194,38
Ibicuí  R$ 1.461.796,36
Ibipeba  R$ 1.643.460,53
Ibipitanga  R$ 1.344.838,22
Ibiquera  R$ 364.952,74
Ibirapitanga  R$ 2.109.488,21
Ibirapuã  R$ 779.450,25
Ibirataia  R$ 1.381.838,86
Ibitiara  R$ 1.474.520,98
Ibititá  R$ 1.544.370,98
Ibotirama  R$ 2.430.040,17
Ichu  R$ 560.063,48
Igaporã  R$ 1.411.439,38
Igrapiúna  R$ 1.193.586,78
Iguaí  R$ 2.429.047,47
Ilhéus  R$ 14.649.278,82
Inhambupe  R$ 3.603.141,23
Ipecaetá  R$ 1.307.386,34
Ipiaú  R$ 4.139.831,13
Ipirá  R$ 5.378.179,67
Ipupiara  R$ 890.271,71
Irajuba  R$ 655.182,22
Iramaia  R$ 770.425,70
Iraquara  R$ 2.275.630,15
Irará  R$ 2.620.187,41
Irecê  R$ 6.584.942,30
Itabela  R$ 2.760.067,91
Itaberaba  R$ 5.819.841,07
Itabuna  R$ 19.242.413,02
Itacaré  R$ 2.553.586,24
Itaeté  R$ 1.448.981,51
Itagi  R$ 1.114.621,98
Itagibá  R$ 1.315.688,92
Itagimirim  R$ 619.896,24
Itaguaçu da Bahia  R$ 1.302.152,10
Itaju do Colônia  R$ 603.020,33
Itajuípe  R$ 1.849.220,23
Itamaraju  R$ 5.819.570,34
Itamari  R$ 725.122,47
Itambé  R$ 2.080.068,18
Itanagra  R$ 581.271,17
Itanhém  R$ 1.751.213,63
Itaparica  R$ 2.005.976,64
Itapé  R$ 790.640,69
Itapebi  R$ 925.828,43
Itapetinga  R$ 6.871.922,94
Itapicuru  R$ 3.210.573,37
Itapitanga  R$ 930.701,69
Itaquara  R$ 750.752,19
Itarantim  R$ 1.782.077,59
Itatim  R$ 1.307.386,34
Itiruçu  R$ 1.134.927,22
Itiúba  R$ 3.256.869,30
Itororó  R$ 1.839.383,47
Ituaçu  R$ 1.711.234,88
Ituberá  R$ 2.581.201,36
Iuiú  R$ 992.158,86
Jaborandi  R$ 756.708,39
Jacaraci  R$ 1.339.423,49
Jacobina  R$ 7.266.385,95
Jaguaquara  R$ 4.911.430,02
Jaguarari  R$ 3.029.540,93
Jaguaripe  R$ 1.695.532,17
Jandaíra  R$ 966.438,90
Jequié  R$ 14.075.227,29
Jeremoabo  R$ 3.651.603,05
Jiquiriçá  R$ 1.311.898,61
Jitaúna  R$ 1.007.681,08
João Dourado  R$ 2.273.103,27
Juazeiro  R$ 19.556.828,29
Jucuruçu  R$ 823.580,30
Jussara  R$ 1.379.311,99
Jussari  R$ 526.401,91
Jussiape  R$ 558.258,57
Lafaiete Coutinho  R$ 336.074,19
Lagoa Real  R$ 1.413.695,52
Laje  R$ 2.151.452,36
Lajedão  R$ 356.920,89
Lajedinho  R$ 341.398,67
Lajedo do Tabocal  R$ 772.681,84
Lamarão  R$ 749.669,24
Lapão  R$ 2.456.752,83
Lauro de Freitas  R$ 17.908.314,02
Lençóis  R$ 1.029.610,74
Licínio de Almeida  R$ 1.117.961,07
Livramento de Nossa Senhora  R$ 4.127.106,51
Luís Eduardo Magalhães  R$ 7.898.194,59
Macajuba  R$ 1.024.105,76
Macarani  R$ 1.692.554,07
Macaúbas  R$ 4.496.571,53
Macururé  R$ 706.080,67
Madre de Deus  R$ 1.903.548,01
Maetinga  R$ 285.265,98
Maiquinique  R$ 912.562,34
Mairi  R$ 1.685.424,68
Malhada  R$ 1.520.185,19
Malhada de Pedras  R$ 757.430,35
Manoel Vitorino  R$ 1.194.850,22
Mansidão  R$ 1.231.219,15
Maracás  R$ 1.880.174,43
Maragogipe  R$ 4.031.897,53
Maraú  R$ 1.856.349,62
Marcionílio Souza  R$ 939.094,52
Mascote  R$ 1.247.373,09
Mata de São João  R$ 4.203.905,42
Matina  R$ 1.101.085,16
Medeiros Neto  R$ 2.047.489,56
Miguel Calmon  R$ 2.348.458,25
Milagres  R$ 988.188,06
Mirangaba  R$ 1.654.921,70
Mirante  R$ 779.811,23
Monte Santo  R$ 4.459.751,37
Morpará  R$ 768.801,29
Morro do Chapéu  R$ 3.195.863,36
Mortugaba  R$ 1.086.736,13
Mucugê  R$ 817.804,58
Mucuri  R$ 3.767.568,50
Mulungu do Morro  R$ 982.683,08
Mundo Novo  R$ 2.416.413,10
Muniz Ferreira  R$ 669.801,99
Muquém de São Francisco  R$ 1.024.105,76
Muritiba  R$ 2.653.127,01
Mutuípe  R$ 2.005.344,92
Nazaré  R$ 2.574.252,46
Nilo Peçanha  R$ 1.263.166,05
Nordestina  R$ 1.184.923,22
Nova Canaã  R$ 1.485.621,17
Nova Fátima  R$ 704.997,73
Nova Ibiá  R$ 594.807,99
Nova Itarana  R$ 742.359,36
Nova Redenção  R$ 822.858,33
Nova Soure  R$ 2.431.845,08
Nova Viçosa  R$ 3.914.488,15
Novo Horizonte  R$ 1.117.690,33
Novo Triunfo  R$ 1.393.390,29
Olindina  R$ 2.547.539,79
Oliveira dos Brejinhos  R$ 1.969.607,71
Ouriçangas  R$ 772.862,33
Ourolândia  R$ 1.574.873,96
Palmas de Monte Alto  R$ 1.962.839,30
Palmeiras  R$ 813.924,03
Paramirim  R$ 1.949.934,19
Paratinga  R$ 2.887.855,52
Paripiranga  R$ 2.616.126,36
Pau Brasil  R$ 887.203,36
Paulo Afonso  R$ 10.629.293,70
Pé de Serra  R$ 1.225.353,19
Pedrão  R$ 663.033,58
Pedro Alexandre  R$ 1.504.121,50
Piatã  R$ 1.545.273,44
Pilão Arcado  R$ 3.162.923,75
Pindaí  R$ 1.467.391,58
Pindobaçu  R$ 1.818.446,52
Pintadas  R$ 941.892,13
Piraí do Norte  R$ 904.530,49
Piripá  R$ 966.258,41
Piritiba  R$ 2.234.026,98
Planaltino  R$ 841.268,41
Planalto  R$ 2.370.297,66
Poções  R$ 4.229.896,12
Pojuca  R$ 3.566.411,32
Ponto Novo  R$ 1.345.921,16
Porto Seguro  R$ 13.418.240,17
Potiraguá  R$ 651.933,38
Prado  R$ 2.542.576,29
Presidente Dutra  R$ 1.366.497,13
Presidente Jânio Quadros  R$ 1.113.448,79
Presidente Tancredo Neves  R$ 2.501.514,60
Queimadas  R$ 2.295.754,89
Quijingue  R$ 2.488.970,47
Quixabeira  R$ 809.682,49
Rafael Jambeiro  R$ 2.041.443,11
Remanso  R$ 3.700.786,84
Retirolândia  R$ 1.299.174,00
Riachão das Neves  R$ 2.015.993,89
Riachão do Jacuípe  R$ 3.017.448,03
Riacho de Santana  R$ 3.196.585,32
Ribeira do Amparo  R$ 1.316.862,12
Ribeira do Pombal  R$ 4.855.838,80
Ribeirão do Largo  R$ 524.506,76
Rio de Contas  R$ 1.172.198,60
Rio do Antônio  R$ 1.387.163,35
Rio do Pires  R$ 1.051.811,13
Rio Real  R$ 3.675.879,09
Rodelas  R$ 842.080,62
Ruy Barbosa  R$ 2.780.824,37
Salinas da Margarida  R$ 1.413.876,01
Salvador  R$ 259.216.347,76
Santa Bárbara  R$ 1.876.293,88
Santa Brígida  R$ 1.282.659,08
Santa Cruz Cabrália  R$ 2.506.839,08
Santa Cruz da Vitória  R$ 569.900,24
Santa Inês  R$ 959.399,75
Santa Luzia  R$ 1.136.822,37
Santa Maria da Vitória  R$ 3.595.831,35
Santa Rita de Cássia  R$ 2.557.376,55
Santa Teresinha  R$ 939.004,27
Santaluz  R$ 3.370.488,37
Santana  R$ 2.401.793,33
Santanópolis  R$ 807.065,37
Santo Amaro  R$ 5.420.956,03
Santo Antônio de Jesus  R$ 9.160.999,66
Santo Estêvão  R$ 4.769.473,88
São Desidério  R$ 3.045.063,15
São Domingos  R$ 817.443,60
São Felipe  R$ 1.901.833,35
São Félix  R$ 1.330.218,45
São Félix do Coribe  R$ 1.388.968,26
São Francisco do Conde  R$ 3.591.950,79
São Gabriel  R$ 1.695.983,40
São Gonçalo dos Campos  R$ 3.388.717,96
São José da Vitória  R$ 510.518,71
São José do Jacuípe  R$ 944.148,26
São Miguel das Matas  R$ 1.053.616,04
São Sebastião do Passé  R$ 3.997.874,98
Sapeaçu  R$ 1.570.090,95
Sátiro Dias  R$ 1.558.810,26
Saubara  R$ 1.086.826,37
Saúde  R$ 1.165.339,95
Seabra  R$ 3.979.013,67
Sebastião Laranjeiras  R$ 1.031.866,87
Senhor do Bonfim  R$ 7.130.746,99
Sento Sé  R$ 3.671.547,31
Serra do Ramalho  R$ 2.840.205,90
Serra Dourada  R$ 1.569.008,00
Serra Preta  R$ 1.342.672,32
Serrinha  R$ 7.297.340,15
Serrolândia  R$ 1.209.018,76
Simões Filho  R$ 12.126.917,52
Sítio do Mato  R$ 1.174.274,25
Sítio do Quinto  R$ 901.191,41
Sobradinho  R$ 2.092.883,04
Souto Soares  R$ 1.532.278,09
Tabocas do Brejo Velho  R$ 1.129.692,98
Tanhaçu  R$ 1.841.278,63
Tanque Novo  R$ 1.567.203,09
Tanquinho  R$ 714.563,75
Taperoá  R$ 1.901.833,35
Tapiramutá  R$ 1.535.075,70
Teixeira de Freitas  R$ 14.483.227,13
Teodoro Sampaio  R$ 670.072,73
Teofilândia  R$ 2.032.147,83
Teolândia  R$ 1.348.538,28
Terra Nova  R$ 1.176.169,40
Tremedal  R$ 1.479.484,48
Tucano  R$ 4.574.272,89
Uauá  R$ 2.187.550,55
Ubaíra  R$ 1.795.433,92
Ubaitaba  R$ 1.719.717,96
Ubatã  R$ 2.439.786,68
Uibaí  R$ 1.253.239,05
Umburanas  R$ 1.734.698,71
Una  R$ 1.714.844,70
Urandi  R$ 1.503.309,29
Uruçuca  R$ 1.851.747,10
Utinga  R$ 1.730.727,91
Valença  R$ 8.714.284,51
Valente  R$ 2.569.559,69
Várzea da Roça  R$ 1.272.822,32
Várzea do Poço  R$ 827.551,10
Várzea Nova  R$ 1.145.846,92
Varzedo  R$ 797.589,60
Vera Cruz  R$ 3.900.680,59
Vereda  R$ 559.973,23
Vitória da Conquista  R$ 30.546.291,72
Wagner  R$ 843.344,06
Wanderley  R$ 1.104.424,24
Wenceslau Guimarães  R$ 1.904.269,98
Xique-Xique  R$ 4.194.880,87
SUBTOTAL  R$ 1.342.226.872,35

Suspeito de chutar rosto da namorada em show se apresenta à polícia e presta depoimento na BA; vítima também é ouvida

O homem suspeito de chutar o rosto da namorada durante um show de pagode na cidade de Pojuca, na região metropolitana de Salvador, se apresentou à polícia na terça-feira (29) e prestou depoimento sobre o caso, segundo informou nesta quarta (30) o delegado João Miranda Pithon, que investiga o crime. De acordo com o delegado, o homem, que não teve a identidade divulgada, compareceu na delegacia da cidade acompanhado do advogado e foi liberado após ser ouvido. O delegado informou também que o homem não negou a agressão, mas não detalhou o depoimento do suspeito.Ainda segundo o delegado Pithon, a vítima e a mãe dela também estiveram na delegacia e foram ouvidas na terça-feira. A jovem prestou queixa na segunda (29), um dia após o crime, porém passou mal e teve o depoimento adiado para o dia seguinte a pedido da mãe. O caso segue sob investigação.

O crime ocorreu no último domingo (27) e foi filmado por pessoas que presenciaram a agressão. A vítima dançava ao som do cantor conhecido como O Poeta, em cima do palco, quando foi surpreendida pelo namorado, que se aproximou, chutou o rosto da jovem e fugiu. Assista ao vídeo aqui: https://www.youtube.com/watch?time_continue=1&v=65YOZbkhXNM

Segundo a organização do evento, realizado na casa de shows Clube AIP, o homem foi contido por seguranças do show após o ataque, mas ele não foi preso na ocasião. Por meio de nota compartilhada na segunda-feira, o cantor O Poeta se posicionou após o ocorrido, e lamentou a situação.
“Se você é machista, covarde, preconceituoso e não aceita ver uma mulher dançando em um palco, não me siga no Instagram ou em nenhuma rede social, não seja frequentador dos shows do Poeta! Melhor ainda, nem saia de casa, a sociedade e as mulheres não merecem conviver com pessoas assim, você não merece ser um fã do Poeta!”, escreveu.A mensagem do artista foi compartilhada por muitos fãs na rede social.

Quase 12 anos após crime, homem que matou namorada e foi flagrado com corpo em carro é preso na Bahia

Crime ocorreu em Salvador, em 2007. Mesmo já tendo sido condenado, em 2014, suspeito estava foragido desde março de 2018, quando teve novo mandado de prisão expedido.

Um homem acusado de assassinar a facadas a namorada e ser flagrado com o corpo da vítima dentro de um carro, no ano de 2007, em Salvador, foi preso por equipes da Polícia Interestadual (Polinter), na manhã desta segunda-feira (13), quase 12 anos após o crime.
De acordo com informações da Polícia Civil, Jardel da Pureza Souza, que estava foragido desde março de 2018, quando teve um mandado de prisão expedido pela Justiça, está na sede da Polinter, onde aguarda transferência para o sistema prisional.
A nova ordem de prisão contra o acusado, que na época do crime era estudante de direito e tinha 26 anos, foi expedido pelo 2º Juízo da 1ª Vara do Tribunal do Júri e encaminhado à Polinter.
A vítima foi Milena Bittencourt Pontes, que também tinha 26 anos e era estudante de psicologia. O crime ocorreu dentro do apartamento onde ela morava, na Avenida Paralela.

Milena foi morta no apartamento onde morava, na Avenida Paralela — Foto: Reprodução/TV Bahia

Segundo a polícia, após o crime, o acusado ficou preso por pouco mais de um ano e, depois, ficou em liberdade por força de um habeas corpus. Em 2014, Jardel, hoje com 37 anos, foi condenado a mais de 14 anos de prisão, por homicídio duplamente qualificado, por meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima, além de ocultação de cadáver, mas não foi preso em virtude de uma sequência de recursos interpostos pela defesa.

Um irmão de Jardel, suspeito de ajudá-lo a tentar se desfazer do corpo da vítima, ficou preso por dois meses e, dois anos depois do crime, foi morto a tiros na porta da casa onde morava, no bairro de Roma, na capital baiana. Não há informações sobre autoria e motivação do assassinato.

Crime ocorreu dentro de apartamento da vítima, na Avenida Paralela, em Salvador — Foto: Reprodução/TV Bahia

O crime contra Milena Bittencourt Pontes aconteceu na tarde do dia 15 de setembro de 2007. Jardel confessou o homicídio ao ser preso, mas disse, na época, que a vítima, Milena, havia tentado esfaqueá-lo, durante uma discussão provocada pela desconfiança de que estaria sendo traído, e que ele agiu em legítima defesa.

As investigações apontaram, no entanto, que Milena teria ameaçado denunciar o companheiro por ter simulado o roubo de carro de sua propriedade, na CIA-Aeroporto, para receber o dinheiro do seguro.

Segundo a polícia, o namorado da estudante enrolou o corpo da vítima em uma colcha, colocou-o no porta-malas do carro dela e seguiu para o terminal marítimo de Salvador, onde pegaria o ferry boat, que faz a travessia entre a capital baiana e a Ilha de Itaparica, para ir a outra cidade, onde deixaria o cadáver.

Pouco depois, porém, ele mudou de ideia e foi para a casa de uma ex-namorada. Lá, com a ajuda do irmão, Josafá Pureza de Souza, teria passado o corpo de Milena para o porta-malas de outro carro, com o qual iria para o interior do Estado. Ele, no entanto, acabou sendo flagrado pela polícia e foi preso.

Top